03
Jun 09

No curso dos nossos (longos e muitos) dias, vamos conhecendo diversas etapas, fases, experiências (...) carregadas de emoções e emotividades. Identificamos umas, desviamo-nos de outras...; vivenciamos umas, descartamo-nos de outras...; sentimos turbilhões imensos e gigantes com umas, passamos ao de leve por outras... Todas contribuem, ainda assim, para o que nós julgamos ser e fazer das nossas vidas!

Entendo-as como "tomadas de consciência"!... Algumas, porventura, de profunda inconsciência! - abençoada seja a divina inconsciência, pela sua aparente simplicidade! :)

E esta é uma tomada de consciência!... - a do desencanto!...

E são tantos (e tão romanticamente deliciosos!) os desencantos que vamos sentindo ou construindo! O desencanto da flôr que murchou!... O desencanto do brinquedo que prometeram e não deram!... O desencanto com @ menin@ que, de repente, percebemos não está por nós apaixonad@!... O desencanto com os Pais que afinal não parecem ser os amigos que tanto se proclamaram!... O desencanto que surge ao percerbermos que afinal aquela "causa" poderia ser perdida!... O desencanto pelo desencanto!...

Tantos e, contudo, sempre desencantos...

Mas este é um desencanto diferente (ora, todos são distintos!)... Chamar-lhe-ei (porque tudo temos que nomear, não é?), de forma doce (porque violento se arrisca a ser...), um desencanto maduro, consciente, vívido e nítido!... Aquele que, não transportando amargura, transporta tristeza e faz questão de nos colocar uma marca (que, embora, se torna a cada dia mais pequena, jamais nos deixa...)... É um desencanto que não nos permite que o hoje possa ser, algum dia, igual ao ontem (alguma vez existiu algo para além do presente?... Talvez!...)!... É um desencanto que não magoa!..., apenas e tão só nos desencanta! :) Apenas e tão só nos faz questionar o próprio encanto... (doce, necessário, ilusório, desviante...)

E é um desencanto mau? (ai, a eterna luta e disputa entre o bem e o mal!, tão cansativa...)

Não! :)

É apenas um desencanto que teve de ser! :) 

publicado por LemonTea às 17:25

2 pinceladas:
Já entendi.
Há sempre aquelas tiradas porreiras que dão imenso jeito: « Ah!... o que tem de ser tem muita força!»
A chatice é que não resolvem nada.
O melhor são @s amig@s - mas vê se não implicas demasiado com el@s lol
Estou a brincar, claro.
E não estejas tanto tempo sem aparecer. E muda a cor do blogue, e põe mais gelo no tea, e não te esqueças que és limão. Às vezes um cálice de rum no tea com gelo e limão, faz aparecer um arco- iris em cada olho, que é uma coisa gira de se ver!
Beijos e aparece sempre que precises ou apeteça.
pilantra a 4 de Junho de 2009 às 15:53

Uma bela "refrescada" é mais do que suficiente para nos permitir ver o arco-íris em cada esquina!

E sim, estou a precisar de refrescar idéias e mundos e vidas! :)

Beijo!

(as tuas palavras sabem-me bem!)
LemonTea a 25 de Julho de 2009 às 10:09

Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Tons e + tons
pesquisar neste blog
 
Quantos pintam?
a pincelar
blogs SAPO